Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

lavoura

Este blog é um espaço de debate e partilha de opiniões. Não te esqueças que o sustento do Homem provém da lavoura. Lança a semente, cultiva-a, ela te saciará...

lavoura

Este blog é um espaço de debate e partilha de opiniões. Não te esqueças que o sustento do Homem provém da lavoura. Lança a semente, cultiva-a, ela te saciará...

26.08.10

Inundações no Paquistão

Manuel Alberto Pereira

Infelizmente, um dos melhores exemplos da máxima: "uma desgraça nunca vem só".

Já não bastavam os sucessivos problemas associados ao terrorismo no Paquistão. Desde há um mês que este país se vê a braços com as piores inundações dos últimos 80 anos que deram origem ao maior lago de água doce do planeta e já causaram a morte a cerca de 1600 pessoas (muitas das quais vítimas de cólera) e afectam entre 15,5 e 20 milhões de pessoas.

Ainda por cima, há fortes reserva no apoio prestado pelas NU, uma vez que os atentados terroristas são uma "sombra" que paira sobre os voluntários das organizações que se empenham em ajudar este povo.

17.07.10

O nosso "calcanhar de Aquiles"...

Manuel Alberto Pereira

É inquestionável que Oliveira de Azeméis, além de integrar o rol de concelhos que mais terá crescido nas últimas décadas, possui ainda um enorme potencial de desenvolvimento que nos pode afirmar mais, atraindo pessoas e investimento.

Estamos bem localizados, temos empresários dinâmicos e a nossa indústria, pela sua diversidade (apesar da crise) vai resistindo e, com "melhores ventos", poderá ajudar a "alavancar" o nosso desenvolvimento económico e social.

Porém, a par destes indicadores favoráveis, a falta de visão e a apatia dos sucessivos responsáveis pelo poder local permitiu que se "instalasse" entre nós um dos mais graves problemas, o qual nos tolhe (até no sentido mais real, pelo cheiro nauseabundo...) o desenvolvimento.

Infelizmente, imagens como esta são vulgares e já nem suscitam grande admiração por parte dos oliveirenses.

 

 

Passaram 9 meses das últimas eleições autárquicas (tempo para gerar um ser humano).

Para quando o "parto da solução milagrosa" tão apregoada em campanha pelo partido que (uma vez mais) ficou no poder local?

"O silêncio é ensurdecedor"...

16.04.10

A "vingança" da Islândia...

Manuel Alberto Pereira

Não deixa de ser irónico. A Islândia, que há bem pouco tempo atrás, foi notícia por ter sido o primeiro país a sofrer com a "bancarrota" e a declarar falência, abre de novo noticiários porque o vulcão Eyjafjallajoekull entrou em erupção e "entupiu" a atmosfera.

Com isto, embora sem ser de propósito, a Islândia "vinga-se" agora do mundo, causando certamente grandes prejuízos financeiros aos países mais desenvolvidos do mundo.

Como somos "pequenos"!...

 

15.03.10

3 R´s do ambiente

António Silva

 

Em vésperas do grande dia "limpa Loureiro, limpa Portugal", será bom relembrar os 3R´s que são o credo de qualquer ambientalista respeitador da natureza. os RRR devem ser aplicados pela ordem que a seguir está indicada. Muitas vezes as pessoas esquecem os dois primeiros e só dão importância ao terceiro, mas esse só vem em terceiro lugar!
 
Reduzir (redução do lixo produzido)
Reutilizar (voltar a utilizar, como por exemplo embalagens ou garrafas)
Reciclar (os resíduos que são inevitáveis produzir e que já não é possível reutilizar devem ser convenientemente separados e reciclados)
18.01.10

Investimentos do QREN

Manuel Alberto Pereira

Google earth - Vale do Caima, "Açude das Penas" - Palmaz

O Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN) é sem dúvida uma das últimas oportunidades de Portugal se poder "aproximar" dos seus parceiros europeus, investindo na melhoria dos seus recursos, humanos e naturais.

Entre nós, são vários os investimentos que terão o seu apoio, sendo um deles a requalificação das margens do Rio Caima em Palmaz, onde outrora milhares de forasteiros usufruiram das suas águas e sombrosas margens.

Com o passar dos anos, a degradação é óbvia e a beleza que ainda resta tem sido "abandonada", pelo que este investimento é bem vindo e esperemos que seja devidamente rentabilizado. Porém, persistem dúvidas pois ali mesmo ao lado labora uma a pedreira a céu aberto, como se pode ver na imagem.

Por isso, cá ficam as perguntas: Com tantos "milhões" investidos nas margens do Caima, iremos continuar com a montanha "esventrada"? Será compatível um  Vale "mutilado" com uma zona turística que se quer de qualidade?

10.01.10

Projecto "Limpar Portugal"

Manuel Alberto Pereira

Há projectos que, pela sua natureza e objectivos, merecem ser apoiados e todos os cidadão atentos e preocupados com o presente e, principalmente, com o futuro das novas gerações, devem envolver-se e dar o seu contributo para que estes sejam um sucesso.

O Projecto Limpar Portugal é um desses projectos e, segundo se pode ler no site, esta iniciativa teve como base o projecto desenvolvido na Estónia em 2008, o qual motivou um grupo de amigos que decidiu colocar “Mãos à Obra” e propor “Vamos limpar a floresta portuguesa num só dia”.

Neste momento, o projecto já com cerca de mais de 17000 voluntários registados e já muitas pessoas acreditam que é possível juntar voluntários e parceiros, para que todos juntos possam, no dia 20 de Março de 2010, fazer algo de essencial por nós e pelo futuro dos nossos filhos.

Para facilitar a logística do projecto, têm sido organizados grupos em cada concelho e Oliveira de Azeméis conta com um que possui mais de 70 elementos voluntários.

Gostaria de lançar aqui o desafio para que consultassem a página do grupo de Oliveira de Azeméis e se inscrevessem para que o nosso concelho possa vir a ter um grande grupo neste importante projecto que é Vamos Limpar Portugal.

Para terminar, cá fica o repto do projecto:

“Limpar Portugal? Nós vamos fazê-lo! E tu? Vais ficar em casa?"

07.01.10

Arouca candidata o Rio Caima às 7 maravilhas de Portugal

Manuel Alberto Pereira

 

 Moínho no Rio Caima, em Palmaz, Jan. de 2009

Portugal, apesar da sua reduzida área geográfica, possui grande diversidade de características geomorfológicas, pelo que num reduzido espaço territorial podemos apreciar uma impressionante variedade de paisagens.

Aliás, o distrito de Aveiro é bem o exemplo disso mesmo: da Ria de Aveiro até à Serra da Freita, chegando às margens sul do Rio Douro, podemos "calcorrear" inúmeros espaços e apreciar elementos paisagísticos de rara beleza que, à semelhança de tantos outras regiões, nem sempre têm merecido o cuidado do Estado ou dos particulares e são até desvalorizados pela maioria dos cidadãos.

Com a iniciativa "As  Maravilhas de Portugal", pretende-se justamente chamar a atenção para o que nos rodeia e são muitos os municipios que apresentaram várias candidaturas de locais e paisagens a este concurso.

Arouca, pela quantidade e diversidade de locais, é um dos municípios do nosso distrito que maior número de candidaturas apresenta, destacando-se a candidatura que fez do Rio Caima, curso de água que aí nasce, na Freita e que atravessa os municípios de Vale de Cambra, O. de Azeméis e desagua em Alb.-à-Velha.

Deste belo rio, cujas margens e água têm sofridos sucessivos atentados, lembro a  minha infância e adolescência que amadureceram na sombra das árvores e na tranquilidade das suas águas, no Verão, e recordo os cheiros a musgos e as "nervosas" correntes do Inverno.

Espero que esta iniciativa possa servir para que todos os outros municípios, à semelhança de Arouca, percebam a mais valia de uma dávida que a "mãe natureza" lhes concedeu, mas que ainda não souberam devidamente valorizar...

31.10.09

Falta de consciencialização cívica e ambiental

Rui Luzes Cabral

 

Extracto de um texto do Público sobre a barragem que está a ser construída no Rio Sabor, 27 de Outubro, pág. 12

Este extracto que à partido passa despercebido, referindo que algumas pessoas temem que se gaste dinheiro na protecção da natureza (“proteger morcegos e passarinhos”), indicia bem o quanto ainda estamos atrasados na defesa do biodiversidade e mostra também o quanto, alguns, desprezam as outras espécies.

Se a maioria continuar assim a pensar (espero que não), tudo leva a crer que o futuro não seja muito risonho neste planeta. A ânsia de mais e mais levará à destruição. Para que isso não aconteça é necessário deixarmos de comer do fruto proibido, da árvore do bem e do mal? (Atenção que estou a utilizar linguagem metafórica).

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Loureiro

Oliveira de Azeméis

Religião

Política

Europa

História & Património

Música

Diversos

Meteorologia

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D