Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

lavoura

Este blog é um espaço de debate e partilha de opiniões. Não te esqueças que o sustento do Homem provém da lavoura. Lança a semente, cultiva-a, ela te saciará...

lavoura

Este blog é um espaço de debate e partilha de opiniões. Não te esqueças que o sustento do Homem provém da lavoura. Lança a semente, cultiva-a, ela te saciará...

29.03.07

Sócio pede nulidade das eleições da Cooperativa Eléctrica

Rui Luzes Cabral

Exmo. Sr. Presidente da Assembleia da Cooperativa Eléctrica de Loureiro CRLTendo em consideração que a última Assembleia foi realizada sem que houvesse algum controlo ou a possibilidade de controlar a qualidade dos participantes na mesma venho, por este meio, informar o meu propósito de denunciar a V.ª Ex.ª, desde logo, um vício de fundo, insanável, cuja consequência é a nulidade, logo a ilegalidade da Assembleia, pois é condição essencial controlar a qualidade dos participantes, os quais terão que ser obrigatoriamente cooperantes, o que não se verificou.Nesse sentido venho impugnar essa Assembleia, por ilegal, e solicitar, como é da sua competência, a convocação de nova Assembleia, cujo escrutínio e qualidade dos participantes preencha os requisitos mínimos legais, tendo sempre presente que é minha firme pretensão, garantir a transparência e o bom nome da nossa Cooperativa, transmitindo-lhe com tal atitude, a autoridade e reconhecimento que a mesma merece.Caso no prazo de oito dias não seja tomada decisão, de acordo com a gravidade do assunto, ver-me-ei forçado a recorrer nos termos da Lei, conforme prevê o n.º 8 do Art.º 42.º da Lei n.º 51/96 de 7 de Setembro, à via Judicial. Com os melhores cumprimentos.

Loureiro, 21 de Março de 2007
Davide Oliveira Cabral

Nota I: Carta acima transcrita, vinda a público pelo jornal "Correio de Azeméis" de 27 de Março

Nota II: Afinal parece que só estamos no intervalo do "jogo"...

 

28.03.07

TAL no Caracas

Rui Luzes Cabral

 

O Tal que estreou em Novembro passado o seu mais recente trabalho: “O Casal Aberto” da autoria do Nobel Italiano da Literatura Dário Fo e Franca Rame com encenação de José Moreira e interpretação de Evaristo Queirós, Karina Leite e José Barbosa vai agora pisar o palco do Cine-Teatro Caracas. É já no próximo Sábado, dia 31 pelas 21:30 horas. Compre já o seu bilhete mas tenha em atenção que este espectáculo é para maiores de 12 anos.

 

Este é um espectáculo intimista, com um texto actual e incisivo, direccionado para a sociedade moderna, em que o que conta poderá ser o efémero, que acaba contudo, por destruir famílias e pessoas.

“O Casal Aberto” como o próprio nome indica, está disponível ou vê-se na necessidade de extravasar os limites aceitáveis da sã convivência marital e mergulha na mais psicótica transformação da mentalidade de uma mulher e de um homem. Entra nesta trama a mentira, o arrependimento, a dúvida e no limite, a tentativa para voltar a tornar o casal fechado. Mas há coisas que de tão tarde acontecerem já pouca luz lhes restam e a penumbra é a consequência. Um homem que “empurra” na teoria a sua mulher para a libertinagem conjugal para justificar a sua, encontra-se a dada altura confrontado com a própria armadilha da sua atitude e perde-se lentamente…

De salientar nesta peça a comicidade, tornando a encenação fluida e apelativa para o espectador, soltando-se no riso de quem assiste, a reflexão caricaturada e muitas vezes ridícula da nossa sociedade, nos seus casos mais polémicos ou transgressores.

 

10.03.07

Cooperativa Eléctrica de Loureiro, C.R.L.

Rui Luzes Cabral

No Próximo Domingo, 18 de Março, pelas 10 horas da manhã, realizar-se-á uma Assembleia-Geral da Cooperativa Eléctrica de Loureiro com a seguinte ordem de trabalhos:

 

1 – Apreciação e aprovação das contas de Gerência de 2006.

 

2 – Eleição dos Corpos Gerentes para o biénio de 2007/2008.

 

3 – Trinta minutos para discutir assuntos de interesse para a Cooperativa.

 

Em relação ao ponto dois, estão a concorrer duas listas, facto que já não acontecia há sensivelmente duas décadas. Sé é cooperante, exerça nesse dia o seu direito de voto, escolhendo a lista e o projecto que considerar melhor para a instituição. Consulte as listas abaixo.

.

LISTA A

 

 

ASSEMBLEIA-GERAL

 

Presidente – José Queirós Tavares

Vice-Presidente – Óscar Castro

Secretário – José Albuquerque

 

DIRECÇÃO

 

Presidente – Nelson Pereira

Vice-Presidente – António Castro

Tesoureiro – António Castro Gonçalves

Secretário – Sérgio Pinho

Vogal – José Luís Castro

Vogal – Gabriel Silva Pereira

Vogal – Paulo Henriques Tavares

Suplente – António Castro Martins

Suplente – Armando Castro

 

CONSELHO FISCAL

 

Presidente – António Teorgas Tavares

Secretário – Adérito Castro Neves

Vogal – Armando de Oliveira Castro

.

LISTA B

 

 

ASSEMBLEIA-GERAL

 

Presidente - António Isidro Figueiredo

Vice-Presidente - Manuel Azevedo

Secretário - Rui Cabral

 

DIRECÇÃO

 

Presidente - João Paulo Bispo

Vice-Presidente - Albino Maçada Soares

Tesoureiro - José Queirós

Secretário - Evaristo Queirós

Vogal - Arménio Almeida

Vogal - Ismael Tavares Fernandes

Vogal - Augusto Almeida

Suplente - Joaquim Santos

Suplente - João Paulo Almeida

Suplente - António Cravo

Suplente – Carlos Valente

Suplente – José Davide Oliveira

 

CONSELHO FISCAL

 

Presidente - Tiago Pereira Jorge

Secretário - Fernando Costa e Silva

Vogal - Tiago Relvas de Jesus

 

02.03.07

Água e Saneamento em OAZ

Rui Luzes Cabral

De acordo com a página na internet da concelhia do Partido Socialista de Oliveira de Azeméis "O Instituto Nacional de Estatística, no seu Anuário de 2005, classifica o nosso concelho em 301º lugar entre 308 Municípios no que concerne ao Abastecimento de Água ao Domicílio ". Os Socialistas referem por isso que este é "o resultado da gestão PSD, no que ao nosso concelho diz respeito, colocando-nos nos dez piores concelhos em termos de abastecimento de água com apenas 53% quando a média do país é de 92,4%. Em termos de saneamento, a média nacional é de 74,6% enquanto Oliveira de Azeméis apenas tem cobertura de 45%."

Para consultar as respectivas tabelas clique em água ou saneamento

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Loureiro

Oliveira de Azeméis

Religião

Política

Europa

História & Património

Música

Diversos

Meteorologia

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D