Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

lavoura

Este blog é um espaço de debate e partilha de opiniões. Não te esqueças que o sustento do Homem provém da lavoura. Lança a semente, cultiva-a, ela te saciará...

lavoura

Este blog é um espaço de debate e partilha de opiniões. Não te esqueças que o sustento do Homem provém da lavoura. Lança a semente, cultiva-a, ela te saciará...

27.08.06

Ultima Eucaristia como Pároco de Loureiro

Rui Luzes Cabral

Hoje o Padre Belmiro Pinho que Paroquiou a Freguesia de Loureiro durante os últimos 34 anos, celebrou a ultima Eucaristia como Pároco Loureirense às 09:30 horas. Emocionou-se no discurso que substitui a Homilia e foi agraciado no fim pelos paroquianos. A sua irmã Cacilda, que o tem acompanhado sempre, também não foi esquecida. O loureiron-line brevemente dará conta dos pormenores. Para já ficam duas fotos.

 

Na Acção de Graças, António Silva leu o seguinte poema, de sua autoria.

 

Pela amizade que nos tem,

Pelos nossos valores que aumenta

Pela nossa fé que alimenta…

Pelo pão de Amor que repartirmos…

Pelo silêncio que diz quase tudo.

Pela presença em todos os momentos…

Por ser presente mesmo quase ausente.

Por ser feliz quando nos vê contentes…

Por esse olhar que diz: “Amigo, vai em frente!”

Por ficar triste quando estamos tristonhos.

Por rir connosco quando estamos risonhos…

Por nos repreender quando estamos errados,

Por nossos segredos bem guardados…

Por nos mostrar Deus a cada instante,

Por este Amor Fraterno tão constante…

Por tudo isto e muito mais nós dizemos:

Deus o abençoe, nosso Padre Amigo.

 

 

Agora a “cadeira” está vaga. No próximo Domingo, dia 03 de Setembro, pelas 16 horas vai ser “ocupada” pelo Pe. Nuno Miguel dos Santos Silva Pereira que foi ordenado no passado dia 9 de Julho na Sé Catedral do Porto.

 

Quem se quiser juntar à festa pode-se inscrever no Mini-Mercado Bastos ou na Papelaria Progresso e assim participar no lanche convívio que acolherá o novo Pároco.

23.08.06

Falta de Civismo

Rui Luzes Cabral

Há poucos dias o loureiron-line deu conta de alguns locais em Loureiro onde o lixo é despejado de forma aleatória e às escondidas em pinhais e caminhos. As pessoas varrem o lixo “para debaixo do tapete” e “quem vier atrás que feche a porta”. Se as pessoas que fazem isto não procedem civicamente com as suas obrigações, alguém tem que as “educar” aos poucos. Cabe à Junta de Freguesia de Loureiro estudar uma forma para minimizar este problema.

05.08.06

As rega do Milho

Rui Luzes Cabral

Agosto. O milho necessita de água para permanecer vigoroso até Setembro. É das alturas do ano mais penosas para os agricultores loureirenses. Andar nos carreiros de milho a mudar canos e bicos, sob um calor abafado e muitas vezes insuportável, é, seguramente, muito trabalho para pouco dinheiro. Um abraço para todos os agricultores loureirenses.

 

Sérgio Cabral

02.08.06

Para Meditar...

Rui Luzes Cabral

Perguntaram ao Dalai Lama

“O que mais te surpreende na Humanidade?”

E ele respondeu:

“Os Homens… Porque perdem a saúde para juntar dinheiro, depois perdem dinheiro para recuperar a saúde. E por pensarem ansiosamente no futuro, esquecem do presente de tal forma que acabam por não viver nem o presente nem o futuro. E vivem como se nunca fossem morrer e morrem como se nunca tivessem vivido.”

 

Nota: Recebido recentemente por email

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Loureiro

Oliveira de Azeméis

Religião

Política

Europa

História & Património

Música

Diversos

Meteorologia

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D